-->

banner topo

[RESENHA] Curtindo a vida adoidado


  Quem nunca assistiu ao filme clássico de John Hugles? Ele passou milhares de vezes na nossa querida "sessão da tarde" e com certeza já animou uma, ou várias tardes sua.
Esse livro é totalmente nostálgico, pois, é baseado no filme (e não ao contrário) e isso faz com que vejamos todas as cenas em palavras, é incrível!

  Ferris Bueller só queria um dia de folga, com isso ele usou sua pior atuação em anos para fazer com que seus pais acreditassem que estava doente. Não foi fácil convencer seu amigo Cameron a sair da fossa interior para o acompanhar, mas tirar sua namorada Sloane da escola foi a parte fácil, os três embarcaram para um dia de aventuras, curtição e aprendizado.

  O livro é bem pequeno, só tem 160 páginas e a escrita é bem leve e fluída, então a leitura pode ser feita em apenas um dia. Os capítulos são pequenos, geralmente com duas a três páginas, podemos enxergar o filme inteiro nesse romance por ser uma adaptação do roteiro, porém, existem algumas pequenas mudanças e alterações como a inserção de alguns personagens que não encontramos no filme, nada que altere a essência da história. Temos todos os momentos famosos, principalmente a do desfile e recomendo que quando chegue nessa parte que você leia escutando a música Twist and Shout dos The Beatles.

  Temos aqui uma história atemporal, mesmo que tenha sido escrita nos anos 80, vemos muitas situações do nosso dia a dia, quem nunca quis assim como o Ferris faltar a escola e curtir o dia com seus melhores amigos que atire a primeira pedra! Você com certeza irá se identificar com algum dos seus personagens e seus dilemas.

  O livro é narrado em terceira pessoa, isso faz com que a nossa experiência com a história seja mais ampla, porque vemos situações de vários personagens, não só do principal. Nessas poucas páginas temos desenvolvimento de personagens, crises existenciais, muitas lições de vida e muita diversão, perdi a conta de quantas vezes ri com a leitura.

  Agradeço a Editora Gutenberg por ter enviado esse livro para resenha, que por sinal está de parabéns, essa capa é maravilhosa, a diagramação é linda e uma coisa que gostei bastante é que para as mudanças de situações nas páginas temos o desenho de imagens de ferraris, fitas, bolas de beisebol e etc.
Para quem está lendo percebe que esses elementos não estão ali a toa e fazem parte da história.
A impressão é em papel Off-Whitte, ou seja, as páginas são amareladas como nós leitores amamos.

  Ferris virou um dos meus personagens favoritos, pois, ele é uma pessoa leve, feliz, simpático com todos e que ver o lado bom da vida. Ele pensa no futuro sim, mas para ele, viver o presente é muito mais importante. Ele vive cada dia como se fosse o último, isso faz com que a gente reflita se estamos realmente aproveitando nosso presente ou se só estamos sofrendo com o passado ou pensando demais como será o futuro e esquecendo de ser feliz como o melhor amigo de Ferris, o Cameron.

Recomendo a todos a leitura do livro, seja fã do filme ou não, acabei o livro com um aprendizado que tenho certeza que levarei para a vida e algumas frases também irão comigo, como por exemplo:

"A vida passa rápido demais e se você não parar de vez em quando para viver a vida, acaba perdendo seu tempo."
“Eu passava tanto tempo pensando no futuro, que nunca percebi que não importa o que vai acontecer depois, se o presente está uma porcaria.”
INFORMAÇÕES DO LIVRO
  • Autor: Todd Strasser
  • Editora: Gutenberg
  • Gênero: Ficção/Jovem Adulto
  • Páginas: 160
  • Ano de publicação: 2015
  • No idioma: Português
  • ISBN:  9788582353790
  • Avaliação média: 4,1
  • Minha avaliação: 4/5
  • Data da resenha: 27/08/2016
  • No Skoob 

3 comentários

  1. Adoro livros assim, mesmo que a linguagem tenha sido em outra época ou ano muitos comportamentos não mudam, sempre se repeti. O fime é divertido, não deve ser diferente do livro. Gostei muito, beijos <3 http://joicyrecco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acredita que nunca assisti a esse clássico? Todo mundo fala e eu nunca assisti. Também nunca li o livro, ainda não tive a oportunidade, mas depois dessa resenha, já quero. Parece ser bem interessante ainda mais por levar em consideração isso de que só temos uma vida né? Temos que aproveitar.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  3. Socorro, eu não sabia que tinha um livro! Certamente vou procurar para ler, já que eu adoro esse filme. Assisti a poucos meses atrás (de novo) com a minha família e never gets old. Sempre me divirto (o Cameron com aquele carro, hahaha). E, como você disse, ele nos traz muitos aprendizados também. Eu queria muito conseguir ser mais como o Ferris. Estas duas frases que você selecionou são do tipo para entrarem no nosso caderninho de quotas e serem sempre lembradas - elas fazem todo o sentido!
    Beijos,
    Bru
    http://www.moderando.com

    ResponderExcluir

Os comentários publicados não representam a opinião do site ou dos autores e são de total responsabilidade do usuário que os editou e submeteu à publicação.

 
Desenvolvido por Michelly Melo.

Personalizado por Eve Scintilla.